Conecte com a gente

BLINK NEWS

03 OUT #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

Hora de ficar muito bem informado com as 6 principais notícias que marcaram a quinta-feira.

Foto: CNN

1 – Fachin manda soltar ex-gerente da Petrobras que teve sentença anulada pelo STF

O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), revogou a prisão do ex-gerente da Petrobras Marcio de Almeida Ferreira, que teve a sentença anulada pelo tribunal nesta quarta-feira (2). Na decisão, o ministro afirma que, apesar de ter ficado vencido no julgamento, a prisão preventiva deve ser revogada em razão da decisão tomada pela maioria do STF. A condenação foi anulada no julgamento que definiu que os delatados devem ser os últimos a se manifestar em processos criminais. Por 6 a 5, a sentença que condenou o ex-gerente na Operação Lava Jato foi anulada. O caso específico de Ferreira serviu de base para a decisão sobre a tese.

2 – Equador decreta estado de exceção em meio a atos contra alta dos combustíveis

O presidente do Equador, Lenín Moreno, decretou “estado de exceção” em todo o país, nesta quinta-feira (3), frente aos protestos contra a alta de até 123% no preço dos combustíveis. Com a decisão, o governo pode enviar militares para conter as manifestações. O aumento foi provocado pelo fim do subsídio estatal aos combustíveis, que existia havia quatro décadas. A alta nos preços, inclusive, foi uma medida acertada com o Fundo Monetário Internacional (FMI). No centro histórico de Quito, o comércio foi fechado e um grande aparato policial evita que manifestantes se aproximem do Palacio de Carondelet, sede da presidência equatoriana, onde Lenín Moreno se reuniu com ministros. Alguns jornalistas dos jornais “El Comercio” e “Expresso” denunciaram terem sido agredidos pela polícia, mesmo se identificando como membros da imprensa. A ministra María Romo pediu desculpas aos profissionais.

3 – A R$ 4,08, dólar tem maior queda desde agosto e Bolsa fecha em alta

O dólar registrou nesta quinta-feira (3) sua maior queda desde 4 de agosto diante dos dados negativos sobre a economia dos Estados Unidos, aumentando a possibilidade de que os juros sejam reduzidos e, com isso, os mercados acionários de países emergentes voltem a ser atrativos ao investidor estrangeiro. O Ibovespa fechou com alta de 0,48%, a 101.516 pontos, com volume financeiro negociado de R$ 15,734 bilhões. O dólar fechou em queda de 1,09%, a R$ 4,089 na venda. Os investidores seguem de olho no ambiente político no Brasil, mais conturbado com a derrota do governo no destaque que mudava as regras para o abono salarial.

4 – Em sete meses, Brasil registra 24,4 mil mortes violentas; queda é de 22,6% em relação ao ano passado

O Brasil registra uma queda de 22,6% nas mortes violentas nos primeiros sete meses deste ano em comparação com o mesmo período de 2018. É o que mostra o índice nacional de homicídios, com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. Somente em julho, houve 3,1 mil assassinatos, contra 4,1 mil no mesmo mês do ano passado. Já no período que engloba os sete meses, foram 24,4 mil mortes violentas — 7,1 mil a menos que o registrado de janeiro a julho de 2018. A tendência de queda nos homicídios do país tem sido mostrada pelo G1 desde o balanço de 2018 – a maior queda dos últimos 11 anos da série histórica do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, com 13%. Já no 1º semestre deste ano, a queda foi de 22%.

5 – Instagram anuncia Threads, aplicativo de mensagens para falar com a lista de ‘melhores amigos’

O Instagram anunciou nesta quinta-feira (3) o lançamento global do Threads, um aplicativo de mensagens voltado para conversar com quem estiver na lista de “melhores amigos”, um recurso lançado no ano passado. Esse novo aplicativo permite compartilhar mensagens, fotos e vídeos somente com pessoas selecionadas como “melhores amigos” no Instagram. O Threads também conta com recursos de compartilhamento constante de localização e atualização automática de status. Com o Threads, o Instagram compete ainda mais de perto com o Snapchat, que também tem tentado se estabelecer como um aplicativo de conversas. A novidade também mostra as transformações do próprio Instagram, que foca em duas linhas: um aplicativo voltado para vender e comprar produtos, ao mesmo tempo em que tenta ser um aplicativo para conversas entre amigos e familiares.

6 – Governo vai baixar MP para extinguir multa adicional de 10% do FGTS, diz secretário

O governo federal vai enviar ao Congresso nas próximas semanas uma medida provisória que prevê o fim da multa adicional de 10% do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) nas demissões sem justa causa, informou o secretário de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues. A multa adicional de 10% nas demissões sem justa causa foi criada em 2001 para compensar as perdas históricas causadas pelos planos Verão e Collor. “Essa multa vai acabar. Hoje, o valor dessa multa, em 2019, é da ordem de R$ 5,7 bilhões. Estimamos que, em 2020, esse valor vai ser um pouco acima de R$ 6 bilhões”, declarou Rodrigues. Segundo o secretário, não será alterada, porém, a multa de 40% que os trabalhadores recebem na demissão sem justa causa – que continuará sendo paga normalmente pelos patrões.


Escrito por

Sou um nativo apaixonado da comunicação, que encontrou no microfone e nas ondas do rádio a forma mais divertida e expressiva de viver a vida. Vivo nas redes, nos feeds e nos stories do mundo. Jornalista, locutor, futuro publicitário e um amontoado de paixões comunicativas. Apresentador do #AoVivaço e do Horário de Pico. Meu Insta: @rodrigosdiniz.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ: