Conecte com a gente

BLINK NEWS

14 AGO #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

1 – Gasto dos estados para cobrir rombo com previdência passou de 100 bilhões

Os estados gastaram R$ 101,284 bilhões em 2018 para cobrir o rombo com previdência, informou nesta quarta-feira (14) o Tesouro Nacional no boletim de finanças dos entes subnacionais. Em relação a 2017, o déficit aumentou 8%. Segundo o Tesouro, a maioria dos estados registrou crescimento do déficit previdenciário em relação ao ano anterior. No Senado, onde atualmente tramita a reforma da Previdência, deve ser apresentada uma proposta paralela para estender as novas regras de aposentadoria também para servidores de estados e municípios. Segundo o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, 12 estados superaram em 2018 o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) de 60% da receita corrente líquida em gastos com pessoal, incluindo ativos e aposentados.

2 – Após instabilidade nos portais, MEC prorroga prazos do Prouni e Fies

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou nesta quarta-feira (14) o prazo das inscrições das etapas em andamento do Programa Universidade para Todos (Prouni) e do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os novos prazos de inscrição ficaram assim definidos: Prouni: estudantes não matriculados em instituições de ensino superior podem se até 19 de agosto. Para os matriculados, 30 de setembro. Fies: estudantes pré-selecionados na lista terão de esperar a validação até 16 de agosto. A mudança nos prazos ocorreu após o portal do programa e do fundo sofrer ataques hackers entre 5 e 7 de agosto.

3 – População de animais em florestas caiu pela metade nos últimos 40 anos

Desmatamento, caça ilegal, doenças, mudança climática. Para os animais silvestres que vivem nas florestas do mundo, as últimas décadas representaram uma hecatombe. Segundo um relatório divulgado pela ONG ambiental “World Wide Fund for Nature” (WWF), a população desses animais diminuiu pela metade desde 1970. O estudo analisou 455 populações de 268 espécies de mamíferos, répteis, anfíbios e pássaros que vivem em florestas e concluiu que houve um declínio de 53% na quantidade de animais vertebrados entre 1970 e 2014. A situação é particularmente crítica na Amazônia e em outras florestas tropicais. Segundo a ONG, 60% dessas perdas estão relacionadas ao desmatamento e à degradação drástica do habitat das populações de animais.

4 – Neymar treina sozinho no PSG enquanto futuro segue indefinido

Enquanto a situação de Neymar está indefinida, o atacante treina sozinho no Paris Saint-Germain. Nesta quarta-feira, o brasileiro seguiu com as atividades no clube francês enquanto o técnico Thomas Tuchel trabalhou com o restante do elenco. Esta situação também serve para preservar o craque de algum problema físico ou lesão, já que ele está na mira de Real Madrid e Barcelona e pode ser negociado. O clube catalão voltou sua carga para tentar contratá-lo depois que o time galáctico abriu negociações com o PSG.

5 – CEOs dos EUA ganham 278 vezes mais que seus empregados, diz estudo

Os altos executivos das grandes empresas americanas ganham 278 vezes mais que seus funcionários, e a brecha continua aumentando, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira (14). Em 2018, a média do salário anual dos CEOs (diretores executivos) das 350 maiores empresas dos Estados Unidos foi de US$ 17,2 milhões, incluindo as opções sobre ações, que normalmente representam dois terços de seus pagamentos, segundo um estudo do Economic Policy Institute (EPI). A brecha entre eles e os trabalhadores passou de uma relação de 20 a 1 em 1965 para uma de 58 a 1 em 1989, segundo o EPI. De 1978 a 2018, a remuneração dos diretores executivos aumentou mais de 1.000%, cada vez com mais ações, enquanto o salário dos trabalhadores aumentou pouco menos de 12%.

6 – Sobe para 58 o número de mortos por gripe em Mato Grosso do Sul

Do início ano até agora, 58 pessoas morreram vítimas do vírus da gripe em Mato Grosso do Sul. É o que aponta o boletim epidemiológico da Influenza, divulgado nesta quarta-feira (14), pela Secretaria de Estado de Saúde. Conforme os dados, em apenas uma semana foram confirmadas mais cinco mortes em MS. Dentre elas, a de uma idosa de 93 anos no dia 7 de agosto em Campo Grande, com H1N1. Um homem de 44 anos morreu em Aquidauana no dia 8 também por H1N1 e uma mulher de 61 anos em Paraíso das Águas. Em Naviraí, uma mulher de 59 anos morreu no dia 6 com H3N3. Campo Grande lidera o ranking de mortes por gripe no Estado, com 21 casos confirmados até agora. Outros 6 óbitos foram registrados em Três Lagoas e mais 6 em Corumbá.

Escrito por

Sou um nativo apaixonado da comunicação, que encontrou no microfone e nas ondas do rádio a forma mais divertida e expressiva de viver a vida. Vivo nas redes, nos feeds e nos stories do mundo. Jornalista, locutor, futuro publicitário e um amontoado de paixões comunicativas. Apresentador do #AoVivaço e do Horário de Pico. Meu Insta: @rodrigosdiniz.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ: