Conecte com a gente

BLINK NEWS

21 AGO #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

1 – Senado aprova MP da liberdade econômica e retira trecho sobre trabalho aos domingos

O Senado aprovou nesta quarta-feira (21) a medida provisória conhecida como MP da liberdade econômica. O texto já foi aprovado pela Câmara dos Deputados e seguirá para o presidente Jair Bolsonaro decidir se sanciona, veta parcialmente ou veta a íntegra da proposta. Durante a votação desta quarta-feira, os senadores decidiram retirar da MP o trecho aprovado pela Câmara que permitia trabalho aos domingos e feriados. A CLT prevê que o descanso “deverá coincidir com o domingo, no todo ou em parte“, e a proposta aprovada pela Câmara previa o descanso “preferencialmente aos domingos”, abrindo espaço para a concessão do benefício em outros dias da semana.

2 – Secretário de Cultura deixa cargo após governo suspender edital com séries sobre temas LGBT

O secretário especial de Cultura do Ministério da Cidadania, Henrique Pires, informou nesta quarta-feira que deixará o cargo. Segundo Pires, a decisão foi tomada porque ele vinha sendo uma “voz dissonante” no governo. A assessoria do ministro da Cidadania, Osmar Terra, porém, disse que foi ele quem demitiu o secretário. Henrique Pires estava no cargo desde o início do governo Jair Bolsonaro e afirmou que decidiu deixar a secretaria após o ministério suspender um edital que havia selecionado séries sobre diversidade de gênero e sexualidade a serem exibidas nas TVs públicas. “Isso [suspensão] é uma gota d’água, porque vem acontecendo. E tenho sido uma voz dissonante interna”, disse Pires.

3 – Justiça determina que Guido Mantega coloque tornozeleira eletrônica

A Justiça determinou que o ex-ministro Guido Mantega coloque tornozeleira eletrônica. Ele também será obrigado a entregar o passaporte, teve R$ 50 milhões em bens bloqueados e está proibido de movimentar as contas que mantém no exterior. A decisão do juiz Luiz Antonio Bonat – responsável pelos processos da Operação Lava Jato no Paraná – que determinou o monitoramento de Mantega, é a mesma que autoriza a realização da 63ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada nesta quarta-feira (21).

4 – Donald Trump desiste de endurecer controle de armas nos EUA

O presidente norte-americano, Donald Trump, abandonou as intenções de endurecer o controle de antecedentes para a compra de armas de fogo nos Estados Unidos depois de conversar com o presidente da Associação Nacional do Rifle (NRA), informou a imprensa local nesta quarta-feira (21). Depois de ataques a tiros em massa neste ano, Trump chegou a apoiar, provisoriamente, um endurecimento do controle de venda para potenciais compradores. A medida serviria para superar as brechas que não permitem registrar muitas das vendas de armamento. Trump chegou, inclusive, a admitir que havia conversas com representantes do Partido Democrata, de oposição, para se chegar a uma legislação sobre armas nos EUA. Ele também havia sugerido à NRA – um lobby dos mais proeminentes dos Estados Unidos – repense a oposição a alguns controles na compra de armas.

5 – Venezuela inaugura embaixada em Pyongyang, na Coreia do Norte

A Venezuela inaugurou nesta quarta-feira (21) uma nova embaixada em Pyongyang, capital da Coreia do Norte. A intenção havia sido firmada em novembro do ano passado, quando uma comitiva norte-coreana visitou Caracas. A abertura, segundo o vice-ministro venezuelano de Relações Exteriores para negócios na Ásia, Oriente Médio e Oceania, Ruben Dario Molina, irá fortalecer a aliança dos dois países frente aos “ataques e ameaças do imperialismo norte-americano, que procura nos deixar de joelhos por causa de nossa ideologia inabalável e nosso desejo de alcançar progresso econômico e social”. Além de Molina, o governo venezuelano foi representado ainda pelo encarregado de negócios interino da Venezuela na Coreia do Norte, Mauricio Andres Bardinet Tata.

6 – Governo anuncia plano para privatizar nove empresas estatais

O governo federal anunciou nesta quarta-feira (21) um plano para privatizar nove empresas estatais. O anúncio foi feito no Palácio do Planalto após uma reunião do presidente Jair Bolsonaro com o conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI). Segundo a secretária especial do PPI, Martha Seillier, e o secretário de Desestatização, Salim Mattar, o plano do governo envolve empresas como: a Telebras, os Correios, dentre outras. Durante a apresentação do plano, o governo falou em também incluir creches, presídios e parques no programa de privatizações, mas não explicou quais seriam os projetos.

Escrito por

Sou um nativo apaixonado da comunicação, que encontrou no microfone e nas ondas do rádio a forma mais divertida e expressiva de viver a vida. Vivo nas redes, nos feeds e nos stories do mundo. Jornalista, locutor, futuro publicitário e um amontoado de paixões comunicativas. Apresentador do #AoVivaço e do Horário de Pico. Meu Insta: @rodrigosdiniz.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

WhatsApp chat