Conecte com a gente

BLINK NEWS

28 FEV: #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

1 – 10% dos deputados federais são réus criminais

São 50 deputados federais que respondem hoje a processos criminais na Justiça. O dado representa 10% do total de parlamentares na Câmara (513). Ao todo são 95 processos dos quais 30, vejam só, são contra apenas um deputado que não teve o nome citado. O leque de crimes pelos quais os parlamentares são réus na Justiça é variado: vai desde calúnia, injúria, difamação, corrupção e falsidade ideológica até furto, estelionato, lesão corporal e tortura.

2 – AmBev registra lucro de mais de R$ 11 bi em 2018

A Ambev, maior fabricante de cerveja e refrigerantes da América Latina, registrou lucro líquido de R$ 11,3 bilhões em 2018, o que representa uma alta de 44,9% em relação a 2017. O resultado foi sustentado pelo crescimento da receita mesmo em meio a queda da venda de cervejas do grupo.

3 – OAS delata pagamento de propina a 21 políticos

Delatores da construtora OAS relataram à Procuradoria-Geral da República repasses de R$ 125 milhões em propina e caixa 2 a 21 políticos de oito partidos entre 2010 e 2014. Entre os citados estão o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rêgo, os senadores José Serra (PSDB-SP) e Jaques Wagner (PT-BA), o deputado Aécio Neves (PSDB-MG), o deputado cassado Eduardo Cunha (MDB-RJ) e o ex-governador do Rio Sérgio Cabral (MDB), que está na cadeia.

4 – Lava Jato intima Lula a depor mais uma vez

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi intimado a depor no dia 22 de março próximo, em inquérito baseado nas delações premiadas do ex-ministro Antonio Palocci e da empreiteira Odebrecht. Em delação, o homem forte do governo petista de Lula e Dilma, afirmou ter feito entregas de dinheiro vivo ao ex-presidente. A Polícia Federal quer mais detalhes sobre repasses que constam na planilha da Odebrecht. Os valores variam de R$ 500 mil a R$ 1,5 milhões.

5 – Governo fecha cerco a grande devedor do INSS

Para enfrentar a resistência pública à reforma da Previdência, o governo vai enquadrar as empresas que são grandes devedoras do INSS. Projeto de lei que será enviado ao Congresso após o carnaval vai definir o devedor “contumaz” e facilitar bloqueio e venda de bens penhorados. A proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma enviada na semana passada ao Congresso também prevê um dispositivo que vai impedir Refis (programas de parcelamento com perdão de multas e juros) de débitos da Previdência por mais de cinco anos.

6 – Ministro do STJ nega liberdade ao médium João de Deus

O ministro do STJ (Superior Tribunal de Justiça) Nefi Cordeiro negou em caráter liminar, nesta quinta-feira (28), um pedido de liberdade feito pela defesa do médium João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus. O magistrado entendeu que não caberia tal recurso ao Superior Tribunal de Justiça, pois o mérito do pedido ainda depende de análise de uma turma de desembargadores em Goiás, o que não tem data para acontecer.

Escrito por

Sou um nativo apaixonado da comunicação, que encontrou no microfone e nas ondas do rádio a forma mais divertida e expressiva de viver a vida. Vivo nas redes, nos feeds e nos stories do mundo. Jornalista, locutor, futuro publicitário e um amontoado de paixões comunicativas. Apresentador do #AoVivaço e do Horário de Pico. Meu Insta: @rodrigosdiniz.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

WhatsApp chat