Conecte com a gente

BLINK NEWS

AS 6 PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA | 19 DE DEZEMBRO

Publicado em 19/12/2018

1- Sumiram provas do caso Marielle Franco?

Miliciano preso ontem (18) pela polícia do Rio de Janeiro é investigado por envolvimento no assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes. A delegacia de homicídios investiga se o miliciano Renatinho Problema, detido por outro crime, estava no carro que levava o assassino da vereadora e do motorista. Entre o fim do dia de ontem e o início da manhã de hoje, quarta-feira (19), o Ministério Público do Rio de Janeiro decidiu romper com a delegacia de homicídio e não dar continuidade ao trabalho conjunto. Entre outros motivos, é levantada a suspeita de que imagens de câmeras de segurança – provas que ajudariam na solução do caso – teriam desaparecido.

2- Bolsonaro em Brasília e comentários negativos sobre imigrantes

Jair Bolsonaro volta hoje (19) à Brasília para reunião com futuros ministros e com o vice-presidente, General Mourão. Devem ser discutidas ações do governo para o ano que vem. Ontem, durante transmissão ao vivo em sua página do facebook, o presidente eleito voltou a criticar o pacto de migração firmado recentemente entre vários países. Ele falou novamente sobre a vida na França e disse que “tornou-se insuportável” viver em algumas partes do país europeu (por causa dos imigrantes). Durante a transmissão, Bolsonaro também comentou sobre barrar imigrantes que queiram entrar no Brasil. Para o presidente eleito, “os imigrantes têm algo dentro de si que não abandonam suas raízes”.

3- Polícia Federal faz buscas em apartamento de Kassab

Polícia Federal faz buscas no apartamento do Ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab. A ação é decorrência do depoimento de um delator da JBS, que afirma que o político recebeu mesada de R$ 350 mil por mês no ano de 2009, quando era prefeito de São Paulo, em troca de defesa dos interesses do grupo. Também são realizadas buscas na residência do irmão de Gilberto Kassab. O inquérito aberto pela Polícia Federal investiga se o ministro cometeu corrupção passiva, lavagem de dinheiro e prática de caixa-dois.

Foto: José Cruz/Agência Brasil

4- Plano Diretor de Campo Grande pode ir parar na justiça

Vereadores de Campo Grande derrubam as 67 emendas vetadas pelo prefeito Marquinhos Trad no Plano Diretor, que deve nortear o crescimento da cidade pelos próximos anos. Com a decisão, as medidas que foram derrubadas pela prefeitura voltam a valer. Entre elas, por exemplo, a medida que institui o IPTU progressivo e a que estabelece o coeficiente de aproveitamento mínimo do terreno. O prefeito diz que buscará a justiça para tentar reverter a decisão da Câmara e o Plano Diretor de Campo Grande pode, então, virar uma briga judicial.

5- Prefeito não recebe aumento, mas os vereadores…

Câmara dos Vereadores de Campo Grande rejeita projeto de lei que aumentaria salário do prefeito, do vice-prefeito, de secretários e diretores. A votação aconteceu ontem, terça-feira (18), alguns dias depois da aprovação – também pela Câmara – de outro projeto de lei: o que determinou em 47% o aumento do salário dos próprios vereadores. O reajuste depende, agora, do aval do Prefeito. Com ele, os salários dos vereadores passariam a mais de R$ 22 mil, a partir de 2021. Ontem, durante a votação que definiu pelo não aumento do salário do prefeito, alguns vereadores fizeram comentários sobre a aprovação do projeto que eleva seus próprios salários e chegaram até a mudar de posição. Os únicos que foram contra os 47% desde início foram os vereadores André Salineiro e Vinicius Siqueira.

Também ontem (18), deputados estaduais do Mato Grosso do Sul aprovaram por unanimidade o reajuste de 16,38% no salário do governador e dos secretários. O aumento vale a partir do dia 1º de janeiro do ano que vem e, com ele, a remuneração passa para mais de R$ 35.400.

6- Segunda parcela do 13º salário!

Empresas têm até amanhã, quinta-feira (20), para pagar a 2ª parcela do 13º salário. O valor deve vir com desconto de Imposto de Renda e de contribuição ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e é um direito garantido a todos os trabalhadores com carteira assinada, que trabalharam pelo menos 15 dias ao longo de 2018. Aposentados, pensionistas e servidores públicos também recebem o benefício, mas seguindo outro calendário de pagamentos. O prazo para recebimento da 1ª parcela pelos trabalhadores com CLT terminou em 30 de novembro.

Notícias em seu email?

Coloque aqui seu melhor e-mail que enviaremos "Blink News" para você semanalmente!

Escrito por

Jornalista e especialista em marketing digital, agora mergulho no universo radiofônico. Produtora do #CaféComBlink. No ar de 2ª a 6ª, a partir das 7h, na Blink 102. Amo colecionar histórias... Me conta a sua?!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

PODCAST: Bate papo com o prefeito

CAFÉ COM BLINK

PODCAST: Munhoz e Mariano no #AOVIVAÇO

AO VIVAÇO

22 MAI: #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

17 MAI: #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

Notícias em seu email?

Coloque aqui seu melhor e-mail que enviaremos "Blink News" para você semanalmente!

WhatsApp chat