Conecte com a gente

BLINK NEWS

Conflitos da Democracia: a corrupção é o principal problema do Brasil?

O bate-papo da série Conflitos da Democracia, do Café com Blink desta quinta-feira (23), levou aos fãs e ouvintes o tema corrupção. Afinal, a corrupção é o principal problema do Brasil? Desigualdade social gera corrupção ou vice-versa?

Ao vivo nos estúdios da Blink 102, Marta Nunes da Costa, filósofa, cientista política e professora, falou sobre a existência de um grande problema estrutural no Brasil, relacionado a todos os tipos de desigualdades e também sobre a necessidade de os brasileiros terem mais entendimento de si mesmos como sujeitos.

Também presente, Fábio Ianni Goldfinger manifestou sua opinião como promotor de justiça e porta-voz do Ministério Público de Mato Grosso do Sul. Ele lembrou que o importante é termos a percepção de que a democracia é um processo em desenvolvimento e não é estática. “A corrupção, é lógico, afeta o sistema democrático”, prosseguiu. Fábio também enfatizou que o Ministério Público não defende partidos políticos e é um órgão constitucional de defesa da democracia e que este órgão precisa lutar para proteger o regime democrático, inclusive adotando frentes de trabalho em combate à corrupção.

“Temos que nos obrigar a fazer uma auto-crítica; não adianta dizer que só políticos e servidores públicos são corruptos. Tem que haver uma mudança estrutural na mentalidade coletiva (…) a corrupção não é aceitável nunca.”, destaca e conclui a professora.

Outros especialistas também participaram da conversa desta quinta-feira, através de áudios gravados e encaminhados à produção do Café com Blink. Luiz Alves, doutor pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação da USP São Carlos, é um dos responsáveis por projeto que mapeou as redes de corrupção no Brasil. Aos Conflitos da Democracia, ele explicou que a tentativa do projeto era mostrar como a computação pode ajudar nas investigações de esquemas de corrupção. Luiz também colocou a existência de operações efetivas de combate a corrupção, mas opinou sobre uma certa dificuldade em administrar estas operações de forma eficiente. Para ele, o problema do país vai além da corrupção:

 

 

Jessé Souza, filósofo e professor universitário, critica a Operação Lava Jato e cita considerá-la uma perseguição da elite contra uso do Estado para a maioria da população. Em áudio, o filósofo também relaciona a corrupção com a isenção fiscal no país. Para Jessé, o mercado, formado pela elite dos grandes empresários, é o responsável pelos acontecimentos recentes e por uma usurpação praticamente invisível. Entenda:

 

 

Felipe Boso Brida, especialista em TV e cinema, também deixou seu parecer no bate-papo. Ele ficou responsável por um ponto de vista relacionado às super produções que debatem, discutem e apresentam operações brasileiras contra a corrupção. Felipe menciona “O Mecanismo”, da Netflix e outros filmes recentemente lançados no Brasil:

Escrito por

Jornalista e especialista em marketing digital, agora mergulho no universo radiofônico. Produtora do #CaféComBlink. No ar de 2ª a 6ª, a partir das 7h, na Blink 102. Amo colecionar histórias... Me conta a sua?!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

08 MAI: #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

AS 6 PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA | 22 DE JANEIRO

DESTAQUES NEWS

Vencedores do Globo de Ouro 2019

VIVA+

AS 6 PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA | 4 DE JANEIRO

BLINK NEWS

Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 Blink102

Comentários

“TagSômetro”

Blink102

Posts recentes

Blink102
Publicidade Blink102 Blink102 300x250
Blink102 300x250
WhatsApp chat