Dicas para você começar sua dieta, de mídias

O mundo está uma loucura, você também percebe isso. Estamos cada vez mais ansiosos, quase no limite e as notícias que consumimos diariamente tem muito a ver com esses sintomas.
Guerra, pandemia, inflação, fake News… as notícias se movem tão rapidamente que é possível que não possamos acompanha-las. Mas por que deveríamos consumir tudo, na velocidade da rolagem do nosso celular? Como fazíamos antes dos smartphones e mídias sociais, banda larga e as notícias rolantes?
O mundo hiperconectado e cada vez mais tecnológico limitou o tempo que tínhamos para digerir as notícias, como em uma dieta, hoje precisamos reduzir o consumo e liberar mais tempo para notícias positivas e que nos fazem sentir bem estar. A OMS já havia alertado no início da crise de COVID-19: “Encontre oportunidades para amplificar histórias positivas e esperançosas”. É isso que ajuda a manter a saúde mental em dia. Então todos nós precisamos equilibrar esse consumo de pacotes de batata frita com algo mais leve. Assim você pode ter mais energia para enfrentar as notícias ruins que o mundo produz a cada minuto.
*Se você chegou até aqui, pega essas dicas.
1 – Evite as redes sociais e as notícias “rolantes”. A ligação entre esse comportamento e problemas de saúde mental foi comprovada por estudos.
2 – É aconselhável limitar o consumo de notícias.
3 – Compense com histórias edificantes.
4 – Respire fundo e enfrente as más notícias e Fake News que nos atingem todos os dias, fazendo sua dieta particular de mídias.