Conecte com a gente

VIVA+

@Eligar!!??… Entenda!

Antes de começar, quero deixar claro que a imagem desta matéria é puramente ilustrativa, e a Eliza e o Edgar não são um casal, mas somente amigos. Cada um deles tem seus parceiros de vida amorosa, certo Jonathan e Mirian? Então vamos lá!

Você tá zapeando nas redes sociais e de repente um perfil estranho começa a te seguir, curioso, você abre pra ver quem é.

Aí você nota que esse perfil é a nova forma de se declarar de um casal de amigos que você tem. A constatação é clara depois te tentar procurar os antigos perfis dos dois: Eles criaram um perfil de casal.

No começo tudo é engraçado e até fofinho, mas aí começam os problemas. Você quer compartilhar com a sua amiga aquelas fotos do artista famoso gostosão, ou ainda aquela piada de putaria com o seu brother. Mas por onde compartilhar? Eles só tem um perfil em conjunto agora, portanto tudo o que um ver, o outro também vai ver.

Sem contar que com o tempo temos que concordar com uma coisa: fica chato!

Alguns casais compartilham demais a sua vida individual, e quando estão em um relacionamento, esquecem que não nasceram grudados com a outra pessoa. Compartilham senhas, calendários, e-mails, e também perfis sociais. Mas isso pode ser um perigo para a invasão de privacidade. Todos merecemos um espaço pra nós mesmos.

Paixão é algo gostoso que vem nos relacionamentos, mas obsessão é um problemão – sei que rimou, mas não foi a intenção 😉 – e pode causar brigas feias.

E ainda de acordo com alguns terapeutas, quando os casais compartilham contas de mídia social, é mais provável que seja um sinal de co-dependência* ou insegurança. E assim você não vai ser feliz por completo com o parceiro, por depender extremamente dos outros.

Para resumir, não há problemas em compartilhar parte da sua vida como casal. Mas há de se respeitar a individualidade. Pode até ser bonito ter um perfil conjunto para os dois (quem nunca fez isso na adolescência?), mas depois que acaba, aprendemos o quão importante é ter momentos consigo mesmo, para se conhecer, curtir a si mesmo, aproveitar a própria companhia.

Escrito por

Comunicador formado em 2010, se encontrou no rádio como uma fonte de energia 100% renovável. O hobbie é modelismo (miniaturas de veículos, edifícios, etc.), design gráfico e, claro, Netflix.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

PODCAST: Influenciadores Digitais: VerdadexMentira

AO VIVAÇO

Lançamentos de terça

ENTRETENIMENTO

Tony Stark nas telonas novamente!

ENTRETENIMENTO

Break Sustentável: Plantando um mundo melhor

SUSTENTABILIDADE

WhatsApp chat