Conecte com a gente

BLINK NEWS

“Epidemia de violência doméstica no Brasil”. Leia:

Levantamento divulgado ontem (17) pela ONG Human Rights Watch analisa problemas no respeito aos direitos humanos em 90 países de todo o mundo. Para o diretor da ONG, o Brasil vive uma epidemia de violência doméstica e a mulher não é suficientemente protegida e atendida pelo estado.

O estudo destaca que o problema da violência contra as mulheres é generalizado e que a polícia não investiga devidamente os milhares de casos de agressão. Segundo a ONG, no final de 2017, mais de um milhão de casos estavam pendentes no tribunais de todo o país. Ao longo do ano, foram registrados mais de 4.500 mortes de mulheres e delas, mais de 1.100 consideradas feminicídio (crime relacionado ao gênero). Para os estudiosos, o número pode estar subnotificado, já que levantamentos e estatísticas relacionados à feminicídio ainda são falhos no país.

E mais:

. Sistema Carcerário || No levantamento, a Human Rights também afirma que o Brasil tem um sistema carcerário superlotado. E mais: destaca que apenas 15% dos presos estudam ou trabalho e considera deficitária a assistência médica dada aos encarcerados.

. Assassinatos || Outro dado que chama a atenção da ONG é o número de homicídios no Brasil. Em 2017, o país registrou 64 mil mortes, muitas ainda não esclarecidas, como a de Marielle Franco e Anderson Gomes, que já completou 10 meses.

. Polícia || A Human Rights aponta aumento da violência policial e destaca que encorajá-la não reduz crimes.

 

. Armas || O relatório criticou ainda a facilitação da posse de armas.

 

Escrito por

Graduada em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade Católica Dom Bosco (2008) e Pós-graduação em Produção Audiovisual - Estéticas Contemporaneas pela UCDB (2010). Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Videodifusão, produção Audiovisual para as novas mídias e Direção de Arte.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

03 JUL #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

05 JUN: #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

Violência contra a mulher: Nova lei entra em vigor na capital.

CAFÉ COM BLINK

Glória! A robô que pode te ajudar

COMUNIDADE