Grite bem alto: O “Beijo” vai contar sua história. Confira!

Com algumas reviravoltas na carreira, como a fase em que abriram mão de suas famosas maquiagens faciais nos anos 80 e 90, e algumas mudanças na formação, o Kiss na ativa até hoje, sempre levando multidões aos seus elaborados concertos.

E agora os pesados metaleiros vão bater cabeça contando a história do Kiss, focada na amizade entre Gene Simmons e Paul Stanley, desde os seus primórdios, será produzida, em breve, ao que tudo indica, pela Netflix, que teria feito a melhor proposta financeira pelos direitos do longa.

Segundo a imprensa estrangeira, as conversas estão adiantadas e apenas alguns detalhes para que o projeto saia do papel, precisam ser acertados. O baixista e o guitarrista da banda, também vocalistas, e os únicos remanescentes da formação original, estão envolvidos diretamente no negócio.

“Shout It Out Loud”, título tirado de uma das canções mais emblemáticas do quarteto, será dirigido pelo norueguês Joachim Rønning, indicado ao Oscar de melhor filme internacional, por “Kon Tiki” (2012) e pelo quinto filme da franquia “Piratas do Caribe” (“A Vingança de Salazar”, de 2017).

O KIss surgiu em 1973, com Gene, Paul, o guitarrista Ace Frehley (que os deixou em 1982) e o baterista Peter Criss (saído em 1980). No ano seguinte, o quarteto lançou seu primeiro trabalho de estúdio. O sucesso chegou em 1975, com o álbum ao vivo “Alive”.

A pandemia da Covid-19 interrompeu, por enquanto, a turnê de despedida da banda, a “End Of The Road Tour”, que deveria passar pelo Brasil em maio do ano passado.

Ouça “Shout It Out Loud”, faixa de “Destroyer”, lançado em 1976:

E aí? O que acha do assunto? Comente!

Gostaria de ser um parceiro @BLINK102FM? Ligue 67 3325 2444 - comercial@blink102.com.br