fbpx

Hidratação para pessoas com demência e energia sustentável no Brasil dão um enorme passo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Descubra os avanços da tecnologia de energia sustentável e de melhoria na vida de pessoas com demência.
Foto: Eternit

Novas telhas solares são instaladas no Brasil para testes

A gente sabe que os painéis solares já estão por aí. podem ser usados apenas para aquecer a água do chuveiro ou mesmo gerar eletricidade nos fotovoltaicos. Só nessas duas já há uma grande probabilidade de economia.

Mas e se as telhas que a gente coloca nos telhados das casas já vierem com um painel solar embutido em cada uma delas?

Essa novidade foi idealizada por uma fabricante de telhas brasileira e foi aprovada pelo Inmetro para produção para testes.

A companhia estima que as duas casas que acabaram de receber a substituição das telhas convencionais por essas vão ter uma economia de energia superior a 300 reais por mês.

A ideia da empresa é fabricar todos os tipos de telhas do seu portfólio com os painéis solares embutidos. E a comercialização para o público geral esta prevista para o segundo semestre deste ano.

Tomara mesmo que dê certo e que seja em valor acessível para a população.

E falando em acessibilidade, pessoas pessoas com demência podem ter acabado de ganhar…

… gotas feitas de gelatina são para melhorar a hidratação

Todo mundo sabe da importância da água no funcionamento adequado do nosso corpo. Inclusive já até falamos sobre uma pesquisa que diz que beber água pode fazer você uma pessoa mais otimista, e você pode ver isso aqui.

Mas as pessoas com demência ou outras doenças degenerativas podem simplesmente esquecer dessa importância, por isso, um jovem resolveu inventar cápsulas de água comestíveis com formatos de gotas de gelatina.

Essas gotas são coloridas, do tamanho de bombons, saborosas, não tem açúcar e são compostas por 90% de água.

Muitas pessoas que tem essa doença sofrem de desidratação simplesmente por esquecerem de beber água, daí a ideia de ajudar dessa forma. É claro que está sendo um sucesso nos lares de repouso, várias empresas já se interessaram em comprar a patente para revender o produto.

Para alguns pesquisadores, pessoas com essas degenerações de memória podem ter dificuldade em beber algo, preferindo comer algo que chamam a atenção, como crianças.

Agora resta saber quando é que essa ideia vem para o Brasil.

Agora é com você, compartilhe com todo mundo o que você leu de bom aqui hoje.

E aí? O que acha do assunto? Comente!

Assine nossa newsletter e receba tudo primeiro!

Não mandamos spam e nem divulgamos seu e-mail! Apenas enviamos mediante sua autorização.