Conecte com a gente

BLINK NEWS

Licença de barragem que rompeu em MG estava vencida

A tragédia que destruiu o distrito de Bento Gonçalves, em Mariana (MG), na última quinta-feira após o rompimento de duas barragens de rejeitos da mineradora Samarco está tomando suas primeiras suspeitas das causas que possam ter ocasionado a enxurrada de lama que já percorreu mais de 500 km, e já prejudica e muda a paisagem [...]

A tragédia que destruiu o distrito de Bento Gonçalves, em Mariana (MG), na última quinta-feira após o rompimento de duas barragens de rejeitos da mineradora Samarco está tomando suas primeiras suspeitas das causas que possam ter ocasionado a enxurrada de lama que já percorreu mais de 500 km, e já prejudica e muda a paisagem e a qualidade da água de rios até dos estados vizinhos, como o Espírito Santo.

Isso porque a barragem de água Santarém, a segunda a se romper no dia da tragédia, estava com a licenças de operação e funcionamento vencida desde 2013. Já a barragem Fundão, que foi a primeira a se romper, estava com sua licença em dia até o ano de 2019.

Ainda é muito cedo para apontar essa como a principal causadora do rompimento das barragens. Conforme a Secretaria do Meio Ambiente de Minas Gerais, não há irregularidades no fato. Pois a mineradora havia apresentado o pedido de revalidação das licenças das barragens que já haviam vencido o prazo, antes dos vencimentos, conforme é previsto em legislação.

Até o momento, 21 pessoas estão desaparecidas e 6 pessoas morreram.

Saiba Mais

UOL Notícias

Escrito por

Jornalista Brasileira. Produtora de conteúdo. pura canceriana. descobrindo maneiras de agradecer, sempre. respirando fundo, de vez em quando. a louca da poesia, dos contos e das letras de músicas. Journalist brazilian w/ italian citizenship - cargocollective.com/giuliasimcsik

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 Blink102

Comentários

“TagSômetro”

Posts recentes

Publicidade Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 300x250
Blink102 300x250
WhatsApp chat