Conecte com a gente

BLINK NEWS

Marin se diz inocente, e Justiça dos EUA determina fiança de R$ 57 milhões

A Justiça norte americana decidiu nesta terça-feira (3) o valor da fiança para José Maria Marin - US$ 15 milhões (R$ 57 milhões). Com aparência cansada poucas horas após ter desembarcado em Nova York, Marin permaneceu sentado durante a audiência na Corte Federal do Brooklyn. Acusado de receber propinas em negociações de direitos esportivos, o ex-presidente [...]

A Justiça norte americana decidiu nesta terça-feira (3) o valor da fiança para José Maria Marin – US$ 15 milhões (R$ 57 milhões). Com aparência cansada poucas horas após ter desembarcado em Nova York, Marin permaneceu sentado durante a audiência na Corte Federal do Brooklyn.

Acusado de receber propinas em negociações de direitos esportivos, o ex-presidente da CBF se declarou inocente, mas ficará em prisão domiciliar com monitoramento eletrônico. Uma nova audiência está marcada para o dia 16 de dezembro.

Com a prisão domiciliar nos Estados Unidos, ele poderá sair de casa para ir à igreja, ao médico e fazer compras uma vez por semana, desde que o FBI seja devidamente avisado. Nenhuma dessas saídas pode ser noturna.

Marin estava preso em Zurique desde o dia 27 de maio e foi extraditado para os Estados Unidos nesta terça.

Aos 83 anos, Marin é acusado de receber e repartir propinas num esquema de corrupção na venda de direitos de TV de vários torneios realizados no Brasil e na América do Sul. O valor chegaria a US$ 6 milhões, envolvendo as edições da Copa América de 2015, 2016, 2019 e 2023, e também da Copa do Brasil de 2013 a 2022.

O dirigente virou alvo das autoridades americanas porque usou empresas e bancos dos EUA para fazer transações financeiras. Em 27 de maio, pouco antes das últimas eleições para presidente da Fifa, o brasileiro foi preso com outros seis dirigentes da entidade.

Com o acordo para pagar US$ 15 milhões, Marin poderá ficar na prisão domiciliar em seu apartamento. O valor é uma garantia que ele vai cumprir o acordo feito com a justiça norte americana – todos os detalhes ainda não foram revelados. Em julho, Jeffrey Webb – ex-presidente da Concacaf e ex-vice da Fifa envolvido no mesmo escândalo de corrupção – fez acordo de US$ 10 milhões. Já o empresário argentino Alejandro Burzaco, também indiciado no processo, teve fiança de US$ 20 milhões.

 

 

Escrito por

Jornalista Brasileira. Produtora de conteúdo. pura canceriana. descobrindo maneiras de agradecer, sempre. respirando fundo, de vez em quando. a louca da poesia, dos contos e das letras de músicas. Journalist brazilian w/ italian citizenship - cargocollective.com/giuliasimcsik

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

PODCAST: Novas áreas para esporte em Campo Grande

CAFÉ COM BLINK

02 JUL #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

24 JUN #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

Você gostava da aula de educação física?

COLUNISTAS

Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 Blink102

Comentários

“TagSômetro”

Posts recentes

Publicidade Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 Blink102 300x250
Blink102 300x250
WhatsApp chat