Conecte com a gente

BLINK NEWS

Mesmo com encerramento da Caravana da Saúde, ações vão continuar em Campo Grande

Foram encerradas as atividades da Caravana da Saúde neste domingo (29) no centro de eventos Albano Franco, mas, por conta da grande procura e para zerar a fila de espera, diversos serviços como: consultas, exames e cirurgias oftalmológicas, assim como exames de endoscopia e colonoscopia terão continuidade a partir do dia 6 de junho no hospital [...]

Foram encerradas as atividades da Caravana da Saúde neste domingo (29) no centro de eventos Albano Franco, mas, por conta da grande procura e para zerar a fila de espera, diversos serviços como: consultas, exames e cirurgias oftalmológicas, assim como exames de endoscopia e colonoscopia terão continuidade a partir do dia 6 de junho no hospital regional Rosa Pedrossian (HR).

De acordo com o coordenador da Caravana, médico Marcelo Mello, desde o dia 14 de maio quando foram iniciadas as atividades da mutirão, já foram realizadas 10 mil cirurgias oftalmológicas e a expectativa é que o número chegue a 15 mil com a continuidade dos atendimento no hospital regional.

Em relação as cirurgias eletivas, o coordenador revelou que foram feitos 100 procedimentos durante o tempo de permanência da estrutura da caravana no centro de eventos e a projeção é da execução de mais 4,1 mil com a sequência do trabalho em outros locais.

Essas cirurgias, conforme ele, serão realizadas em Campo Grande, cerca de 3,7 mil, em São Gabriel do Oeste e em Sidrolândia. O governo negocia parceria com diversas instituições de saúde para promovê-las. Na capital, já foi definido o hospital São Julião e estão sendo discutidas as possibilidades da Santa Casa, Hospital de Câncer Alfredo Abrão e Hospital do Pênfigo, também fazerem os procedimentos.

Em relação aos números finais da caravana em Campo Grande, o coordenador aponta que 100 mil pessoas passaram pelo centro de eventos e foram promovidos cerca de 80 mil atendimentos. Ele aponta que parte da estrutura segue para o hospital regional da cidade, onde serão feitos consultas, exames e cirurgias oftalmológicas e exames de endoscopia e colonoscopia.

Conforme Mello, o preojeto deve ser retomado no próximo ano pelo governo do estado, com reforço, em razão da grande demanda, nos atendimentos voltados para as áreas de ortopedia, angiologia e neurologia.

Notícias em seu email?

Coloque aqui seu melhor e-mail que enviaremos "Blink News" para você semanalmente!

Escrito por

Jornalista Brasileira. Produtora de conteúdo. pura canceriana. descobrindo maneiras de agradecer, sempre. respirando fundo, de vez em quando. a louca da poesia, dos contos e das letras de músicas. Journalist brazilian w/ italian citizenship - cargocollective.com/giuliasimcsik

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

PODCAST: Todo dia um dia novo, ou nem sempre?

VIVA+

29 JUL #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

23 JUL #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

11 JUL #6_PRINCIPAISNOTÍCIAS

BLINK NEWS

Notícias em seu email?

Coloque aqui seu melhor e-mail que enviaremos "Blink News" para você semanalmente!

WhatsApp chat