Já viu a nova atualização do Instagram?
Cãezinhos desaparecidos perto da Avenida Bandeirantes. Você viu essa dupla por aí?

Polarização do Brasil: “problemas da democracia são combatidos com mais democracia e não com autoritarismo”, lembra historiador

Com a presença do historiador Cleverson Rodrigues e da psicanalista Regina Cheli Prati, o #CaféComBlink desta quarta-feira (29) desenvolveu seu bate-papo dos Conflitos da Democracia baseado na polarização e nos discursos radicais e de ódio que se espalham pelo Brasil. Cleverson abriu o debate explicando que, historicamente, a polarização é favorecida pela desigualdade, por um Congresso enfraquecido e por uma soma de outros fatores. Com todos estes favorecimentos, “chegamos a 2018 bem divididos”.

O professor também lembra que problemas da democracia são combatidos com mais democracia, “e não com autoritarismo”. Para Regina Prati, sob ponto de vista da psicanálise a polarização é algo que aparece sempre no discurso de alguma pessoa e tem vínculo, tanto com questões relacionadas à realidades externas, quanto com “questões íntimas e nem sempre confessáveis”. A psicanalista diz que a polarização está ligada ao medo.

Conflitos da Democracia destacou como tudo está relacionado, inclusive desigualdades sociais e corrupção, e apontou a presença de um discurso de ódio (ou, pelo menos, de um discurso radical), não apenas na política e nem só fora desta esfera; mostrando que existem pessoas, inclusive dentro do aparato jurídico, na mídia e em instituições importantes, divulgando opiniões, por exemplo, através de redes sociais. Pollyana Ferrari, especialista em jornalismo digital, explicou que as redes escalonam as coisas e deixam bem e mal sempre volumosos, o que ganha ênfase em um período inédito de polarização forte e acirrada no país.

Ouça o bate-papo completo:

Na semana que vem, o Conflitos da Democracia debate a perda de credibilidade de instituições democráticas. Fique ligado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.