Conecte com a gente

VIVA VOZ

Vida de mochileiro: você viajaria sozinho?

A vida está aí, repleta de aventuras e de novos horizontes a serem descobertos, mas o primeiro passo sempre depende de você: sair de dentro de casa e ganhar novos rumos. Muitas pessoas dizem ter muita vontade de viajar mas acabam se sentindo impedidas pela falta de amigos dispostos a irem junto, diferença de agendas ou alguma parceria do tipo. E aí entram aquelas pessoas que metem a cara e se jogam no mundo sem a companhia de ninguém, prontas pro que der e vier. Pode, sim, parecer assustador visitar um lugar diferente sem nenhum conhecido por perto, mas embarcar em uma aventura dessa sozinho pode proporcionar experiências únicas, tanto que quem viaja uma vez sem ninguém costuma querer repetir a dose.

Pense que você não vai precisar ficar quebrando a cabeça escolhendo uma data que combine com o período de férias de seus melhores amigos, por exemplo. Também poderá escolher o destino, os passeios e todos os outros detalhes sozinho . Fora que vai despertar o lado mochileiro que está adormecido em você.

Veja abaixo a principais vantagens de se viajar sem a companhia de alguém conhecido:

Sair da zona de conforto

Você vai conhecer uma cultura diferente e aprender novos costumes, ou seja, vai mergulhar em todos os detalhes do destino. Já pensou como seria sentar no chão e comer de hashi com budistas no Tibete ou quem sabe andar de camelo no deserto do Sinai? Segundo especialistas, explorando o desconhecido você enriquece o corpo e a mente e, de quebra, faz descobertas incríveis.

Liberdade de escolha

Quando se viaja em galera é super divertido, mas você há de concordar que conciliar os gostos de todo mundo é algo bem complicado. Sozinho, é possível escolher os lugares que estão dentro do orçamento e que fazem mais o seu tipo. Coloque na cabeça que você não vai deixar de conhecer nenhuma atração que deseja para ter que ir a outra só para acompanhar os amigos.

Absorção de cultura

Como você não terá ninguém conhecido por perto, consequentemente terá mais contato com outras pessoas que estão no destino – seja turistas ou nativos. Assim, você pode fazer com mais facilidade coisas mais exóticas, como entrar na roda de uma dança típica e tentar reproduzir os passos (por sorte, nenhum amigo engraçadinho estará lá para filmar isso e depois ficar de gozação).

Aprender outras línguas

Estando sem companhia, você aprende muito mais um novo idioma, já que terá que se virar para se comunicar sem ajuda de alguém que fale seu idioma. Além explorar um novo lugar, você vai voltar da viagem falando bem melhor a nova língua. Caso o destino tenha um idioma completamente desconhecido, melhor aprender expressões básicas antes de embarcar para evitar sufocos.

Contemplação

Aproveite esse momento de “solidão” para ser mais livre e se autoconhecer. Viajando sozinho, você vai descobrir uma nova forma de ver a vida e abrir os olhos para um mundo diferente. Além disso, é uma oportunidade para fugir dos problemas, repor as energias e refletir para voltar para à rotina renovado.

Você já encarou o desafio de viajar sozinho? Tem vontade ou prefere a segurança de ter sempre algum amigo do lado?

fonte: turismo.ig.com.br

 

Notícias em seu email?

Coloque aqui seu melhor e-mail que enviaremos "Blink News" para você semanalmente!

Escrito por

Buscando a felicidade sempre. Apaixonado pela comunicação e pela música. Sonhar, acreditar e jamais desistir, tudo isso sem perder a fé. Locutor, cantor e acadêmico de jornalismo. Apresentador do Viva-Voz. Me siga no insta: @padubotelho.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RECOMENDADOS PARA VOCÊ:

Notícias em seu email?

Coloque aqui seu melhor e-mail que enviaremos "Blink News" para você semanalmente!

WhatsApp chat